Desbrave o Norte da Iha - GVM Tur - #DescubraFloripa
967
post-template-default,single,single-post,postid-967,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive

Desbrave o Norte da Ilha

Norte da Ilha: A melhor maneira de conhecer várias praias e pontos turísticos em um único dia. Passando por Praia do Moçambique, Ingleses, Canasvieiras, Jurerê Internacional, Praia do Forte e Santo Antônio do Lisboa.

 

Mais informações:

A Praia Moçambique é a praia mais extensa de Florianópolis e uma das maiores de Santa Catarina. Os seus 8,5km de areias claras e macias garantem uma beleza natural intocada. Faz parte do Parque Florestal do Rio Vermelho, uma reserva de aproximadamente 400 mil metros quadrados com vegetação predominante de pinus. Não há construção alguma no local e nem no caminho. A paisagem torna-se ainda mais deserta com as dunas, que cortam a linha entre a vegetação rasteira e o oceano.

As boas ondas e o sossego atraem os surfistas. Por não ter infraestrutura, a praia tem baixo fluxo de pessoas. É um lugar mais tranquilo para conhecer e passar o dia. Tanto na alta quanto na baixa temporada, os que mais frequentam são os surfistas.

O balneário de Canasvieiras se torna, durante o verão, um dos destinos mais movimentados da ilha. Está localizado na região norte, entre as praias de Jurerê e Cachoeira do Bom Jesus. As águas calmas e a infraestrutura da região fazem de Canasvieiras um local para passear em família ou com amigos.

É a praia de Florianópolis preferida dos turistas do Cone Sul. Durante a alta temporada, Canasvieiras vira um verdadeiro recanto praiano para famílias e jovens argentinos, uruguaios e paraguaios. Por conta disso, muitos estabelecimentos oferecem serviços bilíngues, e não é difícil inclusive encontrar jornais argentinos. Nas ruas, placas escritas em espanhol e vendedores arriscando o idioma são comuns.

 



%d blogueiros gostam disto: